Abaixo a MP520 Debate com Tecnicos e Estudantes na Reitoria

Nesta quinta-feira (31.03.2011) acontecerá no Anfiteatro 900, a partir das 09:30 hs, no Prédio Dom Pedro I da Reitoria um debate a respeito da Greve dos servidores da UFPR. A greve que luta por melhorias para a categoria, mas também pela derrocada da Medida Provisória 520, foi declarada nesta segunda-feira (28.03.2011).

A atividade esta sendo organizada por estudantes do curso de Ciências Sociais, que buscam sensibilizar o estudantado em geral a solidarizar-se com a paralização, que luta pela justa reposição salárial, mas também pela garantia do serviço público de saúde.

A MP520

A medida Provisória 520, que tem força de lei cria a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, a qual tem como objetivo prestar serviços ao SUS. A EBSERH será financiada pelo estado, porém terá status jurídico privado. Desta maneira pode-se imaginar que ira impor nos hospitais condições de trabalho precarizadas como asvelhas conhecidas tercerizações , estas que não dão a estabilidade nem direitos trabalhistas, que o concursso público garante, pode-se antever também que a forma de contrato que provavelmente vai estabelecer será a já bem conhecido do pessoal da área da educação estadual o PSS (Processo de Seleção Simplificado).

No mais vale lembrar que a tal MP520 abre a porteira para a iniciativa privada adentrar a saúde pública, o que sabemos muito bem que deve descaracterizar o serviço.Não se conhece muitos empresários filantropos (de verdade, não de fachada), até porque seria um contra senso, o capital privado busca lucro, não atender as demanda da população, estas cabem ao poder público.

Prejuizos da MP520:

-Precarização das condições de trabalho para trabalhador@s da saúde.

-Descaracterização do perfil pedagógico, ou ainda perda do espaço pedagógico do Hospital Universitário, isto é formação de estudantes precarizada, logo profissionais da saúde precarios.

– A longo prazo cobrança pelo serviço que deve ser público, este é o exemplo das OS (Organizações Sociais em São Paulo), tais organizações sociais tem um status jurídico muito semelhante a da atual EBSERH, problemas para a sociedade em geral.

Para saber mais:

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2010/mpv/520.htm

http://www.sinditest.org.br/portal/principal/somos-contra-a-mp-52010/

Tod@s estão convidados contamos com sua presença!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s