Atividade de apresentação do Coletivo Quebrando Muros na UNICAMP

O Coletivo Quebrando Muros convida:

@ tod@s comp@s para comparecer na atividade que vai acontecer na quinta-feira (09 de maio) às 14 horas na sala IH07 (IFCH).

O objetivo da atividade é apresentar uma via de militância no movimento estudantil que tenha como base a autogestão, a horizontalidade, o federalismo, a solidariedade de classe e o protagonismo da base.

Atuamos no movimento estudantil desde 2010 na cidade de Curitiba-PR. Com o crescimento e amadurecimento da organização, o coletivo está se expandindo. Nos anos de 2011 e 2012, houveram duas greves estudantis na UFPR com enormes vitórias para os estudantes: café da manhã, almoço e janta todos os dias da semana (incluindo sábados e domingos), aumento na quantidade e valor das bolsas de auxílio estudantil; construção de 3 novas moradias em 3 cidades distintas; creche para as mães/alunas/professoras/funcionárias, entre outras reivindicações. Tocamos uma greve longa de 3 meses e ocupamos a reitoria por 19 dias. Foi a partir da ação direta dos estudantes e organização por local de estudo (na base) que conseguimos força para arrancar da burocracia todas estas conquitas.

O coletivo Quebrando Muros é um agrupamento de tendências que reune setores populares que possuem afinidade em relação a questões metodológicas e programáticas (práticas), mas que não necessariamente possuem afinidades em relação a uma ideologia determinada (marxismo, anarquismo, autonomismo etc.). A unidade do coletivo se constitui por ser essencialmente prática, isto é, é a partir de princípios práticos que nos organizamos, tais como a autogestão, federalismo, ação direta e horizontalidade.

Propomos outro modelo de organização do movimento estudantil. Primamos pela organização de base, lugar onde devem ser feitas as discussões políticas dos estudantes, subindo, através do princípio da delegação até instâncias maiores (do curso, do setor, da universidade, entidades regionais e nacionais). Tal modelo é, na prática, totalmente diferente do modelo que vemos hoje. É prudente deixar claro que não temos essa obsessão por estar nas entidades estudantis, já que entendemos que a importância da entidade não está em si mesma. Em nossa concepção, as entidades devem ser os espaços de execução e coordenação daquilo que foi discutido e aprovado na base, isto é, pelos estudantes em assembléia (do curso, do setor, da universidade). Ao invés de tirar resoluções políticas de cima para baixo, defendemos que o contrário é que deve acontecer; as discussões devem ir subindo da base ao topo, novamente, pelo princípio de delegação.

Assim, entendemos que não é ganhando eleições que vamos construir a luta estudantil, mas atuando numa lógica contrária: é construindo a luta, de baixo para cima, nos espaços estudantis de base, que as entidades maiores (CA’s, DCE’s, entidades regionais e nacionais) fazem sentido. Acreditamos que somente através da autogestão é que conseguiremos construir lutas e organizações combativas, pois ela acaba com a representatividade política, colocando em nossas mãos a tarefa de decidir os rumos do movimento estudantil.

Defendemos então as organizações pela base, próximas dos estudantes, favorecendo sua participação direta. Acima de tudo estas organizações devem ser horizontais, isto é, aproximar-se ao máximo de uma organização em que todos possam contribuir de forma igual, com cargas iguais de responsabilidade e, portanto, em iguais direitos, encontrando-se todos no mesmo nível, ombro a ombro, o que em si já subverte a ordem dominante da sociedade, que na maior parte das atividades separa o pensar do fazer.

Reforçamos o convite. Quinta-feira (dia 09 de maio) às 14 horas na sala IH07 do IFCH.

Otro mundo es posible:
Abajo y a la izquierda.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s