Repúdio a agressão física de militante do PSOL contra militante do Quebrando Muros: Irresponsabilidade pode ter um alto preço para os revolucionários.

No último sábado 25 de janeiro, foi realizado em Curitiba o primeiro Ato Contra a Copa do Mundo que reuniu militantes de movimentos sociais, organizações políticas e sindicatos, que saíram em marcha em direção a prefeitura contra os gastos e abusos da Copa, e também em repúdio ao já anunciado aumento da tarifa do ônibus. Logo no início do ato o militante Renato Almeida do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), coordenava as falas quando um militante do PSTU pediu o megafone para puxar uma palavra de ordem. Renato negou o megafone alegando que ele poderia fazer a fala em outro momento, e teve a sua postura questionada por um militante do Quebrando Muros, que acertadamente afirmou que assim ele estaria tomando posse das falas, caçando a palavra de outras organizações, em um ato que contava com pouca ou nenhuma coordenação. Renato (PSOL) ficou surpreendentemente alterado e acertou um soco no rosto do militante do Quebrando Muros. Uma agressão como esta poderia ter descambado no fim do ato, mas dada a política de nosso coletivo de não comprometer o movimento social por conta de ações individuais, nosso militante não reagiu. Esta atitude lamentável, porém, não pode passar batida e as implicações de atos deste tipo devem estar bem claras para todo participante de movimento social ou organização política, principalmente aos que se propõem a construir uma sociedade justa que supere a barbárie de nossos dias.

Renato é um dos referenciais do PSOL em movimentos sociais, e não deveria agir de forma irracional, podendo comprometer o ato como um todo. A falta de lucidez de Renato era tal que nem percebeu que o militante do Quebrando Muros em questão é um dos envolvidos na luta popular e comunitária que participou do mutirão de limpeza para o sarau puxado pelo Núcleo Periférico do PSOL, movimento do qual Renato é um dos organizadores. Após o vergonhoso ocorrido e de cabeça mais fria, ele procurou nosso militante para se desculpar, usando a infeliz justificativa de que imaginava que ele fosse um militante do PSTU, e ainda que não acatasse esse tosco argumento, o militante do Quebrando Muros ironizou: “Carpi para ajudar no Sarau até fazer calos nas mãos, e a retribuição é um soco na cara…”

A irresponsabilidade tem um alto preço para os revolucionários: ao invés de nos organizarmos cada vez mais, aprofundarmos nossos debates e reflexões teóricas – incluso aí a saudável e necessária divergência em um momento de reorganização dos movimentos sociais – e construir a solidariedade de classe na luta prática, perdemos nosso tempo com atitudes destrutivas, individualistas e inconsequentes. Nós não somos contra o uso da violência.  Somos a favor dela como um instrumento do povo e da esquerda contra os seus inimigos (governos e patrões) e não para ser usada contra os seus próprios pares, de maneira arbitrária e desnecessária. Além disso, discernimento e sangue frio são características que não podem faltar aos que se colocam para organizar movimentos sociais e ser referência para os que nele se somam.

                Por fim, somos irredutíveis quanto a nossa solidariedade de classe, mas não podemos esquecer que o problema foi causado por alguém que ocupa um papel relevante em uma organização de esquerda. Nós do Coletivo Quebrando Muros, pedimos uma atitude responsiva do PSOL frente ao descontrole e a imaturidade de seu militante, além de uma retratação pública, não pela rusga causada, mas porque neste ano teremos muitas mobilizações e muito trabalho a ser feito na luta contra a Copa, contra o aumento da tarifa e tantas outras lutas, que não podem de forma alguma ser postas em risco por atitudes imaturas e precipitadas.


 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s